Associação Vem Ser

Essência do Ser Psicomotricista

[19 de abril – Dia do PSICOMOTRICISTA brasileiro]

Que profissão é essa?
Mesmo com seu reconhecimento em 2019 em nosso país, ainda não temos nosso espaço próprio, somente o próprio espaço. Essa arte de ajudar o outro ser humano no equilíbrio motor, psíquico e cognitivo nos faz agentes de vida. Trabalhar com a Psicomotricidade é como construir um SER, brincar de viver e encontrar saúde na relação com os demais.
É ser jardineiro, espalhar sementes de afeto, cuidado e atenção e colher vínculos, reconhecimento e prazer em tudo que promovemos. É uma profissão onde os pequenos detalhes importam mais que os grandes feitos. Os corpos exigem a presença e o toque, a relação e o vínculo, o equilíbrio e a frustração. Gratidão a Deus pela existência desse saber psicomotor, só assim chegamos a plenitude saudável do existir.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Autora:

Autora:

Cacilda G. Velasco

Cacilda G. Velasco

Especialista em Psicomotricidade, Titulada Especialista em Gerontopsicomotricidade pela Associação Brasileira de Psicomotricidade. Professora, Pedagoga e Profissional de Educação Física, responsável Técnica da Associação VEM SER. Vários livros publicados na área psicomotora e diferentes atuações acadêmicas com cursos, congressos, mesa redonda e atuação desde 1984 em Terapias Psicomotoras na Água.

Site
Cacilda G. Velasco

Cacilda G. Velasco

Especialista em Psicomotricidade, Titulada Especialista em Gerontopsicomotricidade pela Associação Brasileira de Psicomotricidade. Professora, Pedagoga e Profissional de Educação Física, responsável Técnica da Associação VEM SER. Vários livros publicados na área psicomotora e diferentes atuações acadêmicas com cursos, congressos, mesa redonda e atuação desde 1984 em Terapias Psicomotoras na Água.

Site

Mais artigos

“pérolas” de Vitor da Fonseca

Durante esses últimos 40 anos me honro de ter sido aluna dessa referência mundial em Psicomotricidade que é o professor Vitor da Fonseca. De inúmeros

Decálogo de um Gerontopsicomotricista

1. Quando um Gerontopsicomotricista se capacita, ele também reconstrói sua história de aprendizagem. 2. Um Gerontopsicomotricista não brinca, simplesmente, ele introduz o bom humor em

Alfabeto Psicomotor

Aprendizagem só pode ocorrer se não houver Bloqueios físicos, motores e/ou emocionais Comprometendo e até impedindo o bom Desempenho, na criança, do seu Esquema corporal.Este

O que é ser um Terapeuta

Aquele que trabalha com as mãos é um artesão! Aquele que trabalha com a mente é um sábio! Aquele que trabalha com a inspiração é

Representante Mundial

Prof. Dr. Rui Fernando Roque Martins

Professor Associado na Faculdade de Motricidade Humana (FMH) da Universidade de Lisboa (UL)
Docente na licenciatura em Reabilitação Psicomotora e Coordenador do Curso do Mestrado em Reabilitação Psicomotora, da FMH – UL
Membro fundador e delegado português do Fórum Europeu de Psicomotricidade
Delegado Português da Organização Internacional de Psicomotricidade e Relaxação desde 1989.
Honoris Causa pela Organização Internacional de Psicomotricidade e Relaxação, pela contribuição para o desenvolvimento Internacional da Psicomotricidade
Membro fundador e Presidente da Associação Portuguesa de Psicomotricidade.